Consórcio de serviços para cirurgia: Como funciona, vale a pena, qual o prazo?

Consórcio de serviços para cirurgia: Como funciona, vale a pena, qual o prazo?
Gostou então Vote!

É raro encontrar alguém totalmente satisfeito com o próprio corpo, não é mesmo? E se você se incomoda com o seu nariz, provavelmente já pensou em fazer uma rinoplastia, o procedimento estético que modifica o tamanho e o formado do nariz. Saiba que você pode realizar essa cirurgia facilmente! Afinal, você pode fazer um consórcio de serviços para cirurgia plástica.

De acordo com a Lei dos consórcios que entrou em vigor em Janeiro/2009, as cartas de créditos dos consórcios podem ser utilizadas para qualquer tipo de segmentação de serviços tais como cirurgias plásticas, viagens nacionais e internacionais, cursos de MBA, casamentos, entre outros.

Participando de um consórcio de serviços, você terá mais flexibilidade para programar a cirurgia para daqui alguns anos e escolhe planos de pagamentos com parcelas que não irão atrapalhar o seu orçamento mensal. É uma ótima alternativa para quem não consegue guardar muito dinheiro e não tem tanta pressa para realizar o procedimento.

Como funciona o consórcio de serviços para cirurgia plástica

Consórcio de serviços para cirurgia: Como funciona, vale a pena, qual o prazo?

No consórcio de serviços para cirurgia plástica você pode realizar o sonho de modificar algo em seu corpo que não lhe agrada. Funciona da seguinte forma: você escolhe o valor da carta de crédito, ou seja, o dinheiro que você quer gastar no seu procedimento. Alguns bancos, como o Bradesco, financiam cirurgias de até R$ 20 mil. Com o dinheiro em mãos, você escolhe o médico ou hospital e faz a cirurgia.

Você precisa pagar as mensalidades para a administradora do consórcio durante o período previsto no contrato. E, ao ser contemplado por sorteio ou lance, recebe uma carta de crédito para usá-la na cirurgia. Porém saiba que, mesmo após ser contemplado, você deve continuar pagando as mensalidades até o fim do prazo do contrato.

Se o valor da sua plástica for menor do que sua carta de crédito, você pode utilizar dinheiro que sobrou para pagar as parcelas restantes do seu consórcio de serviços ou usá-lo em qualquer outro tipo de serviço.

Vale a pena fazer um consórcio para pagar a cirurgia plástica?

Normalmente, os consórcios saem mais em conta do que fazer um empréstimo pessoal. Isso porque eles não cobram juros ou multas, a não ser que você atrase o pagamento, é cobrado apenas uma taxa administrativa mensal. O pagamento é feito através de boleto ou desconto em conta-corrente (em casos de bancos), o que pode facilitar muito a organização das suas dívidas mensais.

Além disso, em algumas instituições, as parcelas sofrem reajustes anualmente.

Quanto tempo dura um consórcio de serviços

O consórcio de serviços, usados para pagar uma cirurgia plástica costuma ter um prazo de 12 a 48 meses, varia dos planos que a administradora oferece. Ou seja, você pode ter a sorte de ser sorteado logo nos primeiros meses ou esperar anos para realizar a cirurgia.

Além do consórcio, você pode parcelar sua cirurgia plástica em clinicas especializadas. Estas clínicas dão a oportunidade para que o cliente parcele o procedimento em diversas vezes, portanto você precisa avaliar qual a melhor opção para o seu o bolso.

Deseja obter maiores informações sobre consórcio de serviços para cirurgia plástica, clique aqui.



Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *