Financiamento Estudantil Privado: Como e Onde Contratar?

Financiamento Estudantil Privado: Como e Onde Contratar?
Gostou então Vote!

Financiamento Estudantil Privado: Como e Onde Contratar?
Como Conseguir um Financiamento Estudantil Privado? Ouvimos bastante durante a companha eleitoral passada sobre “medidas impopulares” que teriam que ser tomadas para moderar a crise financeira do país. Com certeza, o governo atual tem feito muitas escolhas questionáveis, como as reduções na educação.

Entre as reduções, o FIES foi uma das vítimas. Em maio do presente ano foi apresentado o fim dos recursos para o programa de financiamento estudantil para 2015. O futuro do FIES é duvidoso, pois depende da liberação de verba segundo o acerto de contas para o ano que vem.

Perante a este quadro, diversos estudantes que contavam com o financiamento oferecido pelo governo para entrar em um curso superior necessitarão procurar outros meios. Algumas instituições privadas também concedem financiamento estudantil, mas de maneira menos favorável que o FIES. Portanto, é necessário conhecer mais sobre as opções acessíveis para fazer uma ótima escolha.

Quais são as condições do financiamento estudantil privado?

O financiamento estudantil oferecido pelas instituições privadas é mais caro que o do FIES. Para que você tenha uma ideia, o Bradesco cobra juros em torno de 28% ao ano para o crédito universitário, porém depende do acordo entre o banco e a instituição.

Os meios de pagamento do financiamento estudantil privado também costumam ser diferente. Nos bancos privados, o universitário terá que pagar uma cota do crédito durante o tempo que ainda estuda. No FIES, por exemplo, a quitação da dívida só acontece após o aluno se formar, o que proporciona o pagamento com o salário assegurado pela sua nova formação profissional.

Baseado nessas informações, é imprescindível que o estudante compare as condições disponibilizadas pelas empresas privadas para optar o mais interessante. Como veremos a seguir, também é considerável verificar as parcerias que as instituições têm com as universidades, pois a qualidade do curso superior é essencial para uma boa formação.

O financiamento estudantil pode ser uma espécie de investimento para o seu futuro profissional

Como funciona o financiamento estudantil privado?

Como contratar Financiamento Estudantil Privado
Neste post, verificaremos 3 tipos de créditos: o financiamento estudantil do Bradesco, o Pravaler Crédito Universitário da Ideal Invest e a Fundaplub – CredIES. Mais a diante apresentaremos melhor cada uma delas, mas é importante falar um pouco sobre como funciona os financiamentos.

Nas linhas de crédito universitário do Bradesco e do Pravaler o estudante consegue o financiamento total do semestre, enquanto na Fundaplub o estudante paga apenas uma parte da mensalidade à instituição enquanto estuda, de acordo com as condições determinadas na contratação.

O financiamento pode ser requisitado por estudantes que já estão estudando ensino superior ou aqueles que acabaram entrar. A exigência para a requerimento é que haja parceria entra a instituição de ensino e a empresa de concede o crédito.

Financiamento Universitário Bradesco

O Bradesco é uma instituição bancária presente em todo o mundo, o que garante a consistência do crédito universitário concedido pela instituição. Como já mencionado, os juros do financiamento estudantil ficam em torno dos 28% ao ano, dependendo da instituição escolhida, algo muito alto, ate mesmo quando comparamos com outros tipos de crédito.

Hoje em dia, o Bradesco tem parcerias com mais de 100 universidades, com cursos presenciais e a distância, dentre elas estão: Mackenzie, PUC, Colégio Net Work, ESPM, UNIBRASIL e muito mais. No site do Bradesco é possível conferir a lista completa de todas as faculdades parceiras para que você possa solicitar o crédito.

Além disso, é necessário ser correntista do banco para solicitar o financiamento. O solicitante precisa ter mais de 18 anos e apresentar as condições exigidas na analise de crédito. Um dos principais benefícios do financiamento estudantil privado do Bradesco é a inclusão do valor da matricula, desde que a matrícula pertença ao semestre que será financiado com o crédito. No entanto, o crédito universitário não poderá ser usado em matérias que o aluno foi reprovado (DPs).

Crédito Universitário Pravaler

Credito Universitario Pravaler
O Crédito Universitário Pravaler tem excelentes parcerias com Universidades, o que pode ser vantajoso para o estudante que requer o financiamento. A Ideal Invest, encarregada pelo crédito Pravaler, é parceiro de mais de 400 instituições de ensino em todo o Brasil. Portanto, mais alunos têm acesso as vantagens oferecidas pela instituição.

Os juros cobrados são de até 3% ao mês (se houver atraso na parcela). Isso porque todas as universidades parceiras financiam uma cota ou totalmente os juros do financiamento para os estudantes.

A contratação do crédito universitário Pravaler pode ser realizada pela internet, no site do Praver: www.creditouniversitario.com.br. O envio da documentação também é realizado pela internet, favorecendo o processo. Para ter acesso ao limite o aluno necessita comprovar renda familiar mensal igual ou superior a duas mensalidades do curso. Alias, o estudante e o seu fiador tem que estar com o nome limpo.

Um dos benefícios é a oportunidade de utilizar o limite de crédito para quitar ate duas mensalidades do curso que se encontra em atraso (para os alunos com o curso em andamento). Os estudantes que têm descontos ou bolsa na Universidade podem utilizar o financiamento para pagar o valor remanescente da mensalidade.

Crédito Educativo Fundaplub

A Fundaplub é uma instituição particular fundada por diversas Universidades. Dessa maneira, os estudantes que estudam ou tem em vista estudar em cursos das instituições parceiras pode contar com um ótimo financiamento com custos bastante atraentes.

Até o momento, os dois tipos de créditos cobravam juros mensais pelo financiamento estudantil. Na Fundaplub isso é um pouco diferenciado, já que só há cobrança de uma taxa de manutenção de 0,35% ao mês. Isso quer dizer que essa alternativa pode ser uma boa opção.

A solicitação do financiamento também é realizado pela internet, da mesma maneira que o Pravaler. O aluno antes de tudo tem que se cadastrar no site: www.fundaplub.org.br. Logo após é realizado uma pré-inscrição com coleta dos documentos requeridos. Nesse momento, também é necessário informar os dados do fiador, que pode ser um dos responsáveis do estudante. Se o crédito for aprovado, a Fundaplub – CredIES entra em contato por e-mail para que o acordo possa ser firmado.

Diferentemente do Pravaler, os alunos com bolsa de estudo ou que tiveram algum tipo de desconto não podem pedir o financiamento de ate 50% do valor do curso disponibilizado pela Fandaplub. Em contrapartida, é capaz de manter o crédito mesmo se a matricula for trancada por até dois semestres.



Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *